O Rádio no RS - Radiodifusão

O RÁDIO EM RIO GRANDE-RS

O RÁDIO EM RIO GRANDE-RS

RÁDIO DIFUSORA RIOGRANDINA

Por iniciativa de Alcides Lima Faria, mais tarde seguido por seu filho Ari Lima, fundou-se, em Rio Grande-RS, a 24 de março de 1942 a Rádio Difusora Riograndina.

RÁDIO MINUANO

Em 1950 surgiu, em Rio Grande, uma nova emissora, a Rádio Minuano que foi fundada por um grupo liderado por Hélio de Araújo Costa, gerente da Caixa Econômica Federal, Oscar Moraes, gerente do Banco do Estado do Rio Grande do Sul e os Lopar, de conceituada família rio-grandina.

Destes dados, testemunhados por Holmes Aquino e por ele narrados, destacam-se, como mostras do rádio interiorano da época. Antes da Rádio Minuano, a série concorrente da Rádio Riograndina, era a rádio-poste - Serviço Riograndino de Alto-falantes, de Lindalvo Alberto Corrupi Monteiro, sempre presente em todos os acontecimentos públicos e sociais da cidade. Na     Rádio Minuano, Holmes Aquino fez sua iniciação radiofônica. Ele relatou uma façanha marítima ligada à famosa viagem de jangadeiros cearenses que se aventuraram das praias de Iracema até o extremo Sul, em homenagem a Getúlio Vargas, recém-empossado como presidente eleito (1951). Eis o fato:

“Conseguimos pela Rádio Minuano, autorização da Marinha de Guerra, para transmitirmos, do rebocador Triunfo, que vigiava a costa sul em missão de proteção aos jangadeiros. Íamos nós e, como locutor, Roberto Eduardo Xavier. Pela Rádio Difusora Portoalegrense, seguia junto Walter Broda, além  de excelente comediante, um ótimo repórter locutor”.

“Encontramos, certo dia, a jangada nordestina. Transmitimos o encontro e, enquanto comboiávamos os visitantes até a barra e o porto, apelávamos à população de Rio Grande para que fossem festejá-los em sua chegada em terra. Não tínhamos quaisquer indícios de estarmos sendo ouvidos. Mas o fomos. Ao nos aproximarmos da entrada da barra, deixamo-nos dominar pela emoção. Uma multidão imensa, barcos, bandeiras, foguetes, aguardavam os cearenses que haviam cumprido sua promessa de visitar a terra natal do presidente Getúlio Vargas”.

E Holmes Aquino acrescentou: “... a Rádio Minuano, por falta de canal de rádio em Rio Grande, teve seu transmissor instalado em São José do Norte, cidade fronteira ao principal porto marítimo gaúcho”.