Estudos do sono; porque a qualidade do seu descanso

Não colar olho durante a noite ou dormir com o susto é tão prejudicial para a saúde como dormir de forma excessiva e sem poder controlar a sonolência. Estes testes estudam a origem destes problemas, para poder dar-lhes solução.

O que são?

São as provas médicas, em geral, para saber como é o nosso sonho, ou seja, se dormimos mais ou menos tempo do que precisamos e se o fizermos de forma satisfatória. Desta forma, é possível detectar a presença de fenômenos que prejudique o repouso, como interrupções da respiração ou movimentos anormais do corpo, entre outros.

Quais são os tipos de estudos existem?

Os estudos que, de maneira habitual são realizadas nas Unidades de Sono são:

  • Pesquisa: Detecta como é o sono e se existem alterações, analisando diversos aspectos (respiração, o fluxo de oxigênio, movimentos de olhos e pernas, etc.). Ao mesmos tempo se realiza ao paciente uma electroencefalografía enquanto dorme.
  • Teste de latências múltiplas: Para saber se há uma hipersomnolencia (excesso de sono) anormal.
  • Actigrafía: Estuda o sono do paciente em ciclos de menos ou de mais de 24 horas.
  • Pulsioximetría: Mede apenas o pulso e saturação de oxigênio. É um método simples que permite descartar a existência de apneia do sono.

Como é feita?

  • Para a pesquisa, há que passar uma noite no hospital, uma vez que se estuda o sono durante cerca de oito horas seguidas. O teste de latências múltiplas se realiza também no hospital, desde que o paciente deve dormir de vinte minutos a cada duas horas, durante um dia.
  • Para a pulsioximetría só é preciso colocar um sensor de dedo. A actigrafía se realiza levando um aparelho especial para o modo de relógio durante vários dias. Nestes casos não é necessário o internamento hospitalar.

O são provas irritantes?

Algumas delas exigem a colocação de cabos e eletrodos em diversas áreas do corpo, como a cabeça, os olhos e o peito. Ter que dormir com eles em um hospital pode agobiar um pouco para algumas pessoas, mas o tempo de sono conseguido costuma ser suficiente para obter os resultados necessários. Nenhuma prova produz dor ou desconforto físico.

Quem se realizam estes testes?

Normalmente, as pessoas que apresentam sonolência diurna, porque dormem mal durante a noite, seja porque têm dificuldade para conciliar o sono ou para mantê-lo ou porque experimentam despertares noturnos (apnéia do sono) ou um despertar precoce pela manhã. Em cada uma dessas possibilidades, a causa e o tratamento são diferentes.

Também têm que estudar os casos de sonolência exagerada durante o dia (narcolepsia), as crises epiléticas durante o sono ou o sonambulismo, entre outros transtornos.

Você necessita de preparação especial?

Se estiver sob tratamento médico, você pode continuar tomando até o dia da prova, exceto se houver suspeita de narcolepsia, caso em que se suspendem os medicamentos várias semanas antes. No caso de tomar medicamentos para dormir, e o normal é ter que suspendê-las previamente.

Twitter